Newsletter

Cadastre-se e receba todas as novidades

Formas de tratar o cliente

Publicado em 29 de Mar de 2017 por Redação |COMENTE

É preciso pesquisar a linguagem do cliente, e a partir daí traçar a estratégia adequada para cada tipo de perfil. Veja como



Texto Erik Penna | Adaptação Isadora Couto | Foto Shutterstock 

Formas de tratar bem o cliente 

Certa vez, estava trabalhando em uma capital do nordeste brasileiro e, ao término da minha palestra motivacional de vendas, um participante pediu a palavra e perguntou: "Erik, tenho uma atendente que chama os clientes que entram na loja usando os dizeres 'meu querido', 'meu amor', 'meu bem'. 'O que você acha?'.

Antes de responder, quero compartilhar com vocês algo que aprendi em uma das aulas do Professor Dr. Smith, durante uma qualificação internacional que fiz em Tampa-EUA. Ele falou sobre a regra de ouro do atendimento que diz: "Atenda como gostaria de ser atendido". Mas, também, apresentou a evolução dessa regra e a chamou de regra de platina, que diz: "Atenda da forma que o cliente prefere ser atendido". Repare que, na regra de ouro, basta ser agradável para mim que devo fazer ao outro. Será isso mesmo o ideal? Eu também penso que não, afinal, o que pode agradar a um, pode desagradar ao outro.

Portanto, creio que a regra de platina seja a mais atual e assertiva para tratar o cliente, ou seja, identificar a forma como ele gosta de ser atendido e, se possível, assim o fazer. Vale lembrar, ainda, a importância de atender podendo utilizar o rapport, um conceito originário da Psicologia com o intuito de criar empatia com o outro. É uma espécie de espelhamento, no qual o vendedor, ao assemelhar as ações e voz do cliente, pode criar maior sinergia e identidade entre as partes. Por tudo isso, respondi ao participante da palestra que considerava melhor ela ter, a princípio, uma maneira de abordar um pouco mais neutra, para não correr o risco de desagradar a uma parte dos clientes. Em seguida, é preciso pesquisar a linguagem do cliente, identificar seu perfil e, a partir daí, definir por manter uma abordagem conservadora para os clientes mais comedidos e uma forma mais amável com os clientes mais calorosos.

Dessa forma, haverá maior possibilidade de acertar na preferência do cliente. Recomendei, também, queo recrutamento fosse sempre constante. Sim, para contar com ótimos atendentes e vendedores na equipe, é fundamental estar sempre recrutando. Por mais que o seu quadro de funcionários esteja completo e o atendimento seja de excelência, uma hora você pode ficar sem um colaborador. Por isso, continue recebendo e analisando currículos e fique de olho em perfis que se adéquem à cultura organizacional e ao perfil desejado para o seu negócio. Adotando essa prática de seleção contínua, será mais ágil repor profissionais com as competências desejadas.

 

 


Revista Gestão & Negócios | Ed.96  - Assine já e garanta 6 meses grátis de outro título

 


COMENTE